So faltam meses, dias, horas, minutos, e segundos para o ano 2012

Madeleine

Banner1
Click here to download your poster of support

Radio Viseu Cidade Viriato

sexta-feira, 13 de maio de 2011

Primeira Pagina


Blake Griffin dá espectáculo no concurso de afundanços


Blake Griffin dá espectáculo no concurso de afundanços

(VEJA O VÍDEO) Gigante dos Clippers sobrevoou um carro no afundanço que lhe deu a vitória no concurso do dia 20 de fevereiro.
Blake Griffin venceu o concurso de afundanços do 60.º All-Star da NBA. O poste dos LA Clippers está a ser a sensação da temporada, deliciando os adeptos com os seus afundanços espectaculares. Esta madrugada não foi excepção. Griffin sobrevoou um carro no afundanço final, que lhe garantiu a vitória no concurso.
Griffin mediu forças com outros três basquetebolistas. JaVale McGee (Washington Wizards) também teve uma boa prestação, disputando a final com o gigante dos Clippers. Serge Ibaka (Oklahoma City Thunder) e DeMar DeRozan (Toronto Raptors) ficaram pelo caminho na primeira fase.
A criatividade dos basquetebolistas maravilhou o público de Los Angeles e devolveu a vida ao concurso, que tinha vindo a perder interesse nos últimos anos.
James Jones, dos Miami Heat, venceu o concurso de triplos, depois de Stephen Curry, dos Golden State Warriors ter levado a melhor no desafio de habilidades.

DN

Madeira: vídeo amador chega à National Geographic

Um filme amador, feito no dia do temporal da Madeira, a 20 de Fevereiro de 2010, foi escolhido pela National Geographic para ser usado num programa daquele canal televisivo.

Marco Spínola registou imagens, feitas no percurso médio, da ribeira de São João, onde se podem observar as ondas de fluxos de detritos no seu trajecto para a foz.

«No início até pensei que fosse um caso pontual, que fosse só aquela onda, mas depois vi o fluxo da ribeira tornar-se cada vez mais alto, mais forte e cada vez mais frequente», recordou.

As imagens percorreram as redes sociais online e o portal de vídeos na internet YouTube, o que motivou o contacto do canal televisivo.

«Nunca pensei que a National Geographic tivesse algum interesse pelo vídeo», disse o autor.

As imagens chegaram a ser usadas pelos canais nacionais de televisão para ilustrar peças jornalísticas e o vídeo «a abrir um noticiário da CNN».

Marco Spínola diz que não se sente «orgulhoso» pelas imagens que captou, preferindo dizer que foi «pura sorte».

No início, não se tinha percebido da dimensão do que se estava a passar naquele dia, afirmando que ao longo do tempo acabou por ter «pena pelas pessoas que sofreram as consequências».

O temporal de 20 de Fevereiro destruiu em duas horas de chuva torrencial centenas de casas e provocou a morte de quatro dezenas de pessoas.

Veja aqui o vídeo







TVi24

Menina com 26 dedos entra para o Guinness

Lei Yadi Mim, de apenas um ano e quatro meses, nasceu com polidactilia, uma doença genética de alteração nos genes. Tem seis dedos em cada mão e sete em cada pé.







Phyo Min Min Soe, de 26 anos, mãe da menina, disse à agência AP estar muito feliz por a filha conquistar um recorde mundial, desvalorizando a deficiência. "Ela parece ter uma maior compreensão das coisas e não se queixa muito", referiu. A menina é natural de Mianmar, antiga Birmânia.
O recorde anterior oficialmente reconhecido era de Pranamya Menaria, de cinco anos, e Devendra Harne, de 15, ambos da Índia. Cada um tinha 12 dedos nas mãos e 13 nos pés. No entanto, foi descoberto no ano passado um menino chinês que tinha 31 dedos (15 nas mãos e 16 nos pés) que não foi registrado no Guinness Book.

DN

Caneta BIC faz 60 anos


Caneta BIC faz 60 anos

Historia da Caneta BIC



Em Portugal há 50 anos, a famosa caneta ficou na memória graças ao famoso anúncio de TV ainda trauteado por muitos

Poucos são os objectos que podem gabar-se de ter estatuto de obra de arte e estar expostos em museus. A famosa caneta BIC Cristal pode uma vez que está patente no Museu de Arte Moderna, em Nova Iorque (MoMA), e no Museu Nacional de Arte Moderna do Centro Georges Pompidou, em Paris, graças à sua história, de 60 anos, carregada de inovação e sucesso.
Segundo dados da empresa, a cada dia, a BIC vende 24 milhões de artigos de papelaria, 5 milhões de isqueiros e 10 milhões de produtos para barbear. Em 2010, a que a empresa chamou "um ano muito bom", facturou 1,8 mil milhões de euros, mais 5,9% do que em 2009. O material de escritório, em que se incluem as esferográficas, totalizou 580,7 milhões de euros (+14,0% do que em 2009), os isqueiros 480,8 milhões (+20,5%) e as máquinas de barbear 307,8 milhões (+14,5%).
Criada há 60 anos pelo barão Marcel Bich - que se juntou a Edouard Buffard, em 1945, na fundação da fábrica de artigos para escrita, em Clichy, em França -, a esferográfica BIC Cristal é ainda hoje um best seller, competindo com marcas como Faber-Castel, Stabilo, Uniball, Molin, entre muitas outras que entretanto surgiram.
A Portugal chegou há sensivelmente meio século, com um dos anúncios publicitários de TV - locução de Helena Wolmar e Paulo Alexandre - a ficar na memória de gerações de portugueses.
Mas foi a partir da observação da velocidade de escrita das novas canetas que iam surgindo, nos anos 40 do século passado, que Bich decidiu lançar uma caneta do género e, sobretudo, barata. Para tal, comprou a patente desenvolvida pelo húngaro Laszlo Biro (1899-1985), iniciando a procura da fórmula perfeita para a tinta, bem como o encaixe exacto entre a esfera e o tubo de tinta, utilizando as técnicas dos relojoeiros suíços.
Segue-se um trabalho intenso, com o capital da empresa várias vezes em risco. O primeiro produto, BIC Cristal como lhe chamou o seu criador, saiu da fábrica em Dezembro de 1950, custava 0,50 francos franceses e era recarregável.
Mas o modelo de produção em série só surgiu no ano seguinte, com 10 mil canetas BIC Cristal a serem vendidas diariamente logo no primeiro ano. Actualmente, vários milhares são vendidos todos os dias. Os últimos números conhecidos (2005) dão conta de 100 mil milhões de canetas vendidas.
A BIC Cristal tornou-se rapidamente numa exportação importante, ao viajar até à Bélgica (1951), Itália (1954), Brasil (1956), Reino Unido, África do Sul e Pacífico Sul (1957). Só em 1958 se lançou à conquista dos EUA.
Outro dos factores que contribuíram para o sucesso da BIC foi a aposta de Bich na publicidade, rodeando-se de designers e artistas gráficos conceituados como Raymond Savignac, que criou a conhecida campanha "A ponta BIC gira e gira" ("Elle court elle court la pointe BIC"), em 1952, e o menino de escola "bic boy", em 1960, pequeno rapaz com uma cabeça em forma de esfera. E para assinalar o seu 60.º aniversário, a BIC lança agora uma edição especial - pacote com uma BIC Cristal dourada (tinta azul) e uma BIC Cristal prateada (tinta preta).
"Para a vida", aplaudem os seus muitos coleccionadores...

Anuncio da BIC



DN

Site 'oferece' empregadas domésticas em lingerie


Site 'oferece' empregadas domésticas em lingerie

(COM VÍDEO). Vários presidentes de câmaras e associações já pediram que o site seja encerrado por ser "um insulto à imagem das mulheres".
Um site está a causar grande polémica em França porque oferece serviços de empregadas domésticas vestidas com roupas sexy.
A empresa Sensual Clean Service cobra 75 euros por hora a quem queira recorrer aos serviços destas empregadas domésticas e diz que a única finalidade é "a limpeza da casa e o divertimento visual".
Johann Blazy, de 29 anos, criador da empresa, já assegurou que não se trata de qualquer serviço de prostituição. "As nossas empregadas limpam o pó, passam o aspirador, arrumam a casa, varrem e podem ser úteis para tarefas comuns", pode ler-se no site, que mostra várias mulheres de mini-saia, decotes, lingerie e salto alto com espanadores e ferros de engomar na mão.
Entre as vozes mais críticas está uma vice-presidente da câmara de Montpellier, em França. "A Sensual Clean Service faz uma mercantilização inaceitável das mulheres", disse Françoise Prunie. Para visitar o site: http://www.sensualcleanservice.com/

DN