So faltam meses, dias, horas, minutos, e segundos para o ano 2012

Madeleine

Banner1
Click here to download your poster of support

Radio Viseu Cidade Viriato

sexta-feira, 21 de janeiro de 2011

Primeira Pagina parte 1

'Homo sapiens' já dominava o fogo em África há 72 mil anos

Até agora era mais ou menos ponto assente que a utilização do fogo para fabrico de utensílios tinha emergido na Europa, há cerca de  25 mil anos. Uma descoberta realizada em África por uma grupo internacional de investigadores veio agora alterar esta visão, e fazer recuar cerca  de 45 mil anos essa data. O estudo é publicado hoje na revista 'Science'  
Os primeiros homens modernos já dominavam o fogo para o fabrico de instrumentos há pelo menos 72 mil anos na região sul do continente africano. A conclusão é de um grupo internacional de investigadores que fez escavações na zona e publica o resultado dos seus estudos na Science.

"Antes do nosso trabalho, a utilização do fogo era vista como algo que emergiu na Europa há 25 mil anos", explicou o paleoantropólogo Curtis Marean, da Universidade do Arizona, nos EUA, e o director do projecto de escavação na África do Sul.

Até agora era isso que os vestígios disponíveis indicavam: que o uso do fogo deveria ter-se iniciado na Europa há cerca de 25 mil anos. O trabalho da equipa liderada por Curtis Marean veio agora alterar esta visão.

No artigo da Science, os investigadores sugerem mesmo que a utilização do fogo poderia ter-se iniciado muito antes, há cerca de 164 mil anos, naquela zona de África, muito antes de o Homo sapiens empreender a sua viagem para fora de África, ocorrida há 50 a 60 mil anos.
Tendo o domínio do fogo nessa altura, os grupos humanos em deslocação para norte, para a Europa gelada, poderiam então realizar essa migração com mais facilidade e sucesso.

DN

Astrónomos dizem que os signos mudaram

Astrónomos norte-americanos afirmam que o calendário do zodíaco deve ser mudado. Afinal, a maioria das pessoas tem o signo anterior ao que julgava.

A notícia que está a chocar os aficionados dos signos, baseia-se nas conclusões de astrónomos do Minesota Planetarium Society, citado pelo StarTribune. Na prática, a maioria de nós pertence ao signo anterior.

Segundo os cientistas, os antigos astrónomos da Babilónia basearam os signos na constelação na qual o Sol se encontrava no dia do nascimento. Só que, ao longo dos milénios, a força gravitacional da Lua terá feito a Terra oscilar no seu eixo, criando um salto de um mês no alinhamento das estrelas, lê-se numa entrevista de um astrónomo do Minnesota Planetarium Society ao Star Tribune.

O artigo menciona também um 13.º signo, que ficaria entre Escorpião e Sagitário, mas que vários astrónomos têm desvalorizado, dizendo que se refere a uma 13.ª constelação (Ophiuchus), que teria sido posta de parte pelos babilónios, por quererem apenas 12 signos - um para cada mês do ano.

Este é o novo calendário:

Capricórnio: De 20 Janeiro a 16 Fevereiro
Aquário: De 16 Fevereiro a 11 Março
Peixes: De 11 Março a 18 Abril
Carneiro: De 18 Abril a 13 Maio
Touro: De 13 Maio a 21 Junho
Gémeos: De 21 Junho a 20 Julho
Caranguejo: De 20 Julho a 10 Agosto
Leão: De 10 Agosto a 16 Setembro
Virgem: De  16 Setembro a 30 Outubro
Balança: De 30 de Outubro a 23 Novembro
Escorpião: De 23 a 29 Novembro
Serpentário (Ophiuchus): De 29 Novembro a 17 Dezembro
Sagitário: De 17 Dezembro a 20 Janeiro

DN

Mulher simula sequestro para testar o marido

A polícia espanhola prendeu uma mulher que simulou o próprio sequestro para saber se o marido pagaria o resgate, conta a «BBC».

O marido recebeu no telemóvel várias fotografias da esposa com os pés e as mãos atados. Depois, recebeu outra mensagem a pedir 20 mil euros. Depois, outra. E outra.

As mensagens exigiam sempre o dinheiro do resgate e ainda diziam que a polícia não deveria ser avisada. Ora, o marido fez precisamente ao contrário: avisou a polícia, que lançou uma operação de busca.

Quando o automóvel foi localizado, a polícia perseguiu a viatura até um centro comercial, na cidade de Gandía e, surpresa, ao volante estava a mulher, sozinha e de perfeita saúde.

Caso para dizer que o marido não passou no teste.

TVi24

Homem pede divórcio por achar que a mulher era o Diabo

Um homem da Malásia pediu o divórcio por achar que a mulher era o Diabo. Pelo menos era isso que lhe tinha sido dito por um conselheiro de um templo local. Mais: o conselheiro disse ao homem que o Diabo da sua mulher o queria matar.

De acordo com o jornal local «The Star», citado pelo portal brasileiro R7, a mulher diz que o marido está a pedir o divórcio e não a quer ver a ela nem aos dois filhos adolescentes.

«O conselheiro disse ao meu marido que eu tenho usado magias contra ele nos últimos 15 anos. Ele recusa comer ou beber em casa, porque acha que eu envenenei a comida», contou a mulher ao jornal.

A mulher alega que o referido conselheiro estava afogado em dívidas e tirou partido disso quando aconselhou o marido, para lhe extorquir dinheiro. Ela conta que o marido até as economias que tinha juntado para os filhos gastou no templo.

TVi24

Ambiente vai sofrer com o aquecimento global por mais mil anos

A factura do aquecimento global vai continuar a ser paga durante o próximo milénio. O aumento das emissões de dióxido de carbono (CO2) vão fazer subir as temperaturas da Terra nos próximos mil anos e elevará em, pelo menos, quatro metros o nível das águas do mar, previsões de um estudo publicado na revista científica Nature link externo, que a agência EFE cita.

O estudo, o primeiro com prognósticos para um prazo tão longo, foi realizado com programas de simulação de computador que exploraram os possíveis cenários em uma situação de emissão zero de CO2 a partir de 2010 e 2100.

Grandes áreas do norte da África vão transformar-se em desertos e a temperatura dos oceanos pode subir até cinco por cento. Estas alterações vão provocar o colapso da camada de gelo ocidental da Antártida, uma superfície de 2,2 milhões de quilómetros quadrados, ou seja, equivalente a quatro vezes o tamanho da Espanha.

Segundo o coordenador do estudo, o professor Shawn Marshall, da Universidade de Calgary, no Canadá, as regiões do hemisfério norte, no geral, serão menos afectadas que as do sul, embora a projecção revele que os padrões do clima em certos lugares mudem totalmente.

TVi24

Hillary Clinton tropeçou e caiu a entrar no avião

Hillary Clinton tropeçou e caiu a entrar no avião
De acordo com um porta-voz do departamento de Estado, Hillary não se magoou.


Hillary Clinton, a secretária de Estado americana, tropeçou e caiu quando ia a entrar no avião que a ia levar de volta aos Estados Unidos, depois de uma visita diplomática ao Iémen, onde tratou de questões de segurança relacionadas com o terrorismo.

Durante a visita, a diplomata referiu que a prioridade actual dos Estados Unidos é eliminar as ameaças que a rede terrorista da Al-Qaeda e seus aliados representa. "Os terroristas tentaram mais de uma vez atentados contra os nossos países e fizeram mortos, feridos e destruições no Iémen. Por isso, acabar com estas ameaças é a prioridade de qualquer país", referiu.

Veja aqui o vídeo da queda:


DN

Arquitecto russo cria casa à prova de catástrofes

Esta casa tem 14 mil metros quadrados, pode albergar 10 mil 
pessoas e ser construída tanto em terra como no mar.
Pode ser construída em terra ou no mar e, além de resistir a fenómenos naturais, também é autossustentável.


O arquitecto russo Alexandre Remizov elaborou um projecto de um prédio que, segundo defende, é autossustentável e à prova de catástrofes. O projecto, baptizado de Arca, foi concebido em parceria com a empresa alemã Remistudio.

Remizov defende que esta inovadora casa pode resistir a terramotos, maremotos, furacões e outro tipo de fenómenos naturais (graças ao facto de a estrutura ser feita de arcos de madeira e cabos de aço). Tem 14 mil metros quadrados, pode albergar 10 mil pessoas e ser construída em qualquer parte do mundo - tanto em terra, como no mar.

Construído em forma de concha, permite uma melhor distribuição do peso. Ao mesmo tempo possui um ambiente de estufa que ajuda na melhoria da qualidade do ar e no fornecimento de alimentos. Utiliza painéis solares e tem um sistema próprio de abastecimento de água.

Veja aqui o vídeo:



DN

Passear um tigre pela trela

Ver alguém a passear um cão pela trela não causa estranheza. Um gato já não é tão comum, mas há quem o faça. Agora, qual seria a sua reacção se o amigo de quatro patas que se cruzasse consigo no passeio fosse um pouco maior que o gato doméstico? E se fosse um tigre? A reacção dos vizinhos de Sascha Prehn não foi a melhor.

Os vizinhos do treinador de animais, que vive em Berkentin, no norte da Alemanha, não querem que Prehn ande a passear o tigre Sina na rua e exigem que leve o felino de estimação para fazer as necessidades em zonas despovoadas, conta a agência AFP. Se a moda pega¿

TVi24